PASTORAL DOS ACÓLITOS

O ofício dos acólitos consiste em ajudar o celebrante nos serviços do altar durante a missa ou celebração da palavra, sendo ele essencial para o bom andamento da celebração

Quando os acólitos estão presentes na missa e servem com alegria e entusiasmo no altar do Senhor, eles “oferecem aos outros jovens de sua idade um testemunho eloquente da importância e da beleza da Eucaristia” como dizia o Papa João Paulo II. Isso porque são eles os mais próximos do altar quando se realiza a consagração. Por isso, a importância do processo de formação, passando pelo sacramento da Eucaristia, antes de iniciarem suas atividades, conhecendo todos os gestos, símbolos, cores, objetos e paramentos litúrgicos.

O serviço do acólito e do coroinha leva às crianças e adolescente a oportunidade de participarem de uma pastoral que tem como principal objetivo servir o próprio Cristo por meio do sacerdote.

Objetivo

Despertar as crianças e os adolescentes para o verdadeiro amor e respeito à Sagrada Eucaristia, levando-os a uma verdadeira espiritualidade em servir com amor. Através do serviço ao altar, dar continuidade ao processo de educação da fé e ajudar os membros do grupo a criar um ambiente ideal para despertá-lo e o acompanhamento vocacional. Formando os futuros lideres de nossas comunidades e pastorais, para que a AMSL cresça cada vez mais.

Objetivo Especifico

  • As crianças e os adolescentes precisam conhecer desde cedo as alegrias do serviço à igreja e a comunidade.
  • A educação na fé de nossas crianças e adolescentes é fundamental para que tenhamos pessoas comprometidas com a igreja assumindo os ministérios leigos, a vida sacerdotal, religiosa e missionária.
  • A descoberta do sentido puro do que Jesus pede no Evangelho, o respeito pelo outro, o espírito missionário, a sinceridade, o trabalho, a entrega.

Composição dos Grupos

  • De 07 a 10 anos batizado e participando a catequese da comunidade efetivamente.
  • De 11 a 18 anos tenha recebido o Sacramento da Eucaristia e participando o processo da catequese da comunidade efetivamente;
  • Coroinhas idade de 07 a 18 anos;
  • Acólitos idade de 15 a 21 anos;
  • Após essas idades sejam eles engajados em outras atividades pastorais;

Funções dos Coroinhas e Acólitos

  • Cuidar do serviço do Altar;
  • Arrumar o presbitério para a santa Missa;
  • Acolher a assembleia que apresenta as ofertas;
  • Acompanhar o sacerdote ou o ministro na hora da distribuição da Eucaristia, observando quem está com atitudes inconvenientes;
  • Nas celebrações matrimoniais e de batizados devem auxiliar o sacerdote;
  • Servir de bom exemplo a todos;
  • Conhecer e vivenciar os gestos da celebração litúrgica (genuflexão, o sinal da cruz, as respostas de todas as orações) como atitudes que brotam da fé e do coração.

Deveres Acólitos ou Líderes

  • Seguir o sacerdote ou o Bispo na Incensação do altar ou da palavra segurando a casula no lado do braço onde o corpo do turíbulo está segurado, ressaltando a ausência de Diácono.
  • Quando o Diácono está presente à celebração é ele quem segue o Sacerdote ou o Bispo segurando sua casula; é ele também quem os incensa no ofertório, dispensando assim, o serviço do Acólito neste momento.
  • Marcar o Missal Romano, bem como, os demais livros litúrgicos que serão utilizados nas celebrações de preceito.
  • Organizar os demais coroinhas no Altar.
  • Zelar para não haver conversas no Altar.
  • Ser turiferário.
  • Ser cruciferário. Ser ceriferário. Ser naveteiro. Ser baculífero. Ser mitrífero.
  • Conduzir a cruz processional, os luzeiros, o turíbulo, a naveta e etc nas procissões de entrada nas celebrações e procissões de cortejo.
  • Organizar a fila da comunhão.
  • Chegar uma (1) hora antes da celebração para providenciar os objetos (turíbulo, naveta e o que aprouver)para as celebrações solenes.
  • Marcar as orações eucarísticas, prefácios e bênçãos no Missal Romano (comum a todos os coroinhas).
  • Participar das celebrações do Batismo, adorações e demais ofícios circunstanciais (comum a todos os coroinhas).
  • Concluir seu serviço litúrgico nas Missas Solenes e outras, permanecendo no Altar até a reverência final.
  • Ao acolito responsável como turiferário e/ou naveteiro é obrigatório limpar o local onde foi aceso o fogareiro, deixando-o da mesma forma como foi encontrado.

A vida espiritual dos Acólitos

É dever do acólito, pelo simples fato de ser cristão, cuidar com todo amor e zelo do seu crescimento e amadurecimento espiritual. Como membro do Grupo, ele tem alguns compromissos bem definidos na prática espiritual:

  • A participação na Missa dominical. Caso não possa se fazer presente na comunidade, deverá participar na Missa em outro lugar.
  • Confessar ao menos uma vez a cada três meses.
  • O acólito tem a obrigação de rezar o terço em honra de Nossa Senhora ao menos uma vez por semana.
  • Durante a quaresma, o acólito deve firmar alguns propósitos como exercícios espirituais quaresmais: aumentar a oração, fazer alguma penitência (jejum), praticar algum ato de caridade (esmola), combater algum vício.
  • Se já tiver feito a Primeira Comunhão, o acólito deverá comungar em todas as missas nas quais acolitará. Em caso de necessidade, o acólito deve pedir confissão ao Padre antes da Missa.
  • Os acólitos procurem viver em união contínua e amorosa com o Senhor Jesus e desenvolvam um profundo amor filial à Virgem Maria Mãe de Deus, Nossa Senhora da Conceição. A ela recorram com frequência, sobretudo para alcançarem a pureza de coração, a castidade e a perseverança na fé.

Coordenação da AMSL

Cooperador: Pedro Paulo Costa da Silva
Coordenador: Ironi Santos
Vice-Coord. Lucelena de Souza Viana
Secretaria: Gracionei J. F. de Oliveira

Coordenação por comunidade

COM. SANTO EXPEDITO
Coordenadora Girlane Batalha de Moraes
Vice-Coord.: Andreza Oliveira da Silva
Secretária: Patrícia Marques da Cruz

COM. IMACULADO CORAÇÃO DE MARIA
Coordenadora: Aldenora Batista Alves
Vice-Coord.: Jeice Kelly Braz de Souza
Secretaria: Bianca Azevedo Guterres

COM. SÃO PAULO APÓSTOLO
Coordenadora: Ângela Nazaré Bivar dos Santos
Vice coord.: Ana Célia da Silva e Silva
Secretario: João Vitor Correa da Silva

COM. RAINHA DA PAZ
Coordenadora: Dagmar Medeiros
Vice-Coord.: Acolito Gil Willon Ferreira Maia
Secretário: Acolito Guilherme Ferreira Maia

COM. SANTO ANTÔNIO SANT’ANA GALVÃO
Coordenadora: Gracionei J. F. de Oliveira

Escala